Policial / Brasil 08 de abril de 2021 14h32

Polícia Federal, através da INTERPOL, realiza extradição de foragido da Justiça

Nas primeiras horas, na Aduana Brasileira da Ponte Internacional da Amizade, um comboio da Polícia Nacional do Paraguai, representando a INTERPOL daquele país, entregou um preso às autoridades brasileiras...

Foto: Polícia Federal/Divulgação
Foto: Polícia Federal/Divulgação

A Representação Regional da INTERPOL, sediada na Delegacia de Polícia Federal de Foz do Iguaçu (PR), executou mais uma Extradição na manhã de quarta-feira (07).

Nas primeiras horas, na Aduana Brasileira da Ponte Internacional da Amizade, um comboio da Polícia Nacional do Paraguai, representando a INTERPOL daquele país, entregou um preso às autoridades brasileiras, cuja extradição solicitada pela República Federativa do Brasil, foi deferida pela Corte Superior de Justiça do Paraguai.

O preso, dado como foragido no Brasil desde 2009, foi capturado em solo paraguaio a partir da inclusão de seu nome na Lista Vermelha de procurados internacionais da INTERPOL (RED NOTICE) em 2018. Aguardou, encarcerado no Paraguai, a conclusão de seu processo de extradição.

Após ser recebido pela INTERPOL de Foz, seguiu escoltado até o Aeroporto Internacional das Cataratas, onde embarcou em aeronave operacional da Polícia Federal, com destino à cidade de Pelotas/RS.

Em solo brasileiro estará à disposição da Justiça Criminal de Jaguarão (RS), onde deve cumprir pena pelo crime de furto qualificado pelo abuso de confiança e combinado com o crime de estelionato.

O indivíduo era contumaz na prática dos crimes, fazendo-se passar por funcionário das companhias de eletricidade e internet, simulando visitas técnicas para chegar ao interior de residências e furtar valores em espécie, joias e folhas de cheques. Após a consumação dos furtos, mediante fraude, utilizava as folhas de cheque para efetuar compras no comércio da região de Jaguarão (RS).

Com informações: Assessoria.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.