Policial / Paraná 25 de fevereiro de 2021 13h14

Polícia Ambiental combate descarte de resíduos a céu aberto e resgata aves silvestres no Litoral

Nesta ação, o responsável recebeu um Auto de Infração Ambiental no valor de R$ 2.500,00 e foi encaminhado para a lavratura de um Termo Circunstanciado de Infração Penal...

Policiais militares da Rondas Ostensivas Tático Móvel (ROTAM) do Batalhão de Polícia Ambiental – Força Verde (BPAmb-Fv), encaminharam duas pessoas em ações distintas, uma delas por manter em cativeiro aves silvestres e a outra por descarte de resíduos sólidos a céu aberto. As ocorrências foram nesta quarta-feira (24/02), nos municípios de Matinhos e Paranaguá, no litoral.

Durante patrulhamento pela Ilha de Valadares, em Paranaguá, uma equipe de policiais ambientais encontrou um cativeiro ilegal de pássaros silvestres. Nesta ação, o responsável recebeu um Auto de Infração Ambiental no valor de R$ 2.500,00 e foi encaminhado para a lavratura de um Termo Circunstanciado de Infração Penal. As cinco aves que estavam presas foram devidamente encaminhadas ao Instituto Água e Terra (IAT) para os cuidados veterinários e avaliação para serem reinseridas na natureza.

Já em Matinhos, no mesmo dia, policiais em patrulhamento aplicaram um Auto de Infração Ambiental no valor de R$ 500,00 a um rapaz que, em flagrante, foi pego descartando resíduos de construção civil em um terreno baldio, contrariando a legislação ambiental e destinando, de forma inadequada, os dejetos descartáveis. Desta forma, o suspeito foi encaminhado para a lavratura de um Termo Circunstanciado e seu reboque de carro foi apreendido.

Com informações: Polícia Militar do Paraná.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.