Policial / Paraná 31 de julho de 2020 10h30

Criminosos se passavam por diretores do Hospital Evangélico de Londrina; Prejuízo chega a R$ 4 milhões

Os criminosos estariam fraudando contratos de aluguel e compra e venda de bens em nome do hospital...

Quatro pessoas foram presas em flagrante, na manhã desta quinta-feira (30),  quando negociavam a compra de dois caminhões como se fossem diretores e funcionários do Hospital Evangélico de Londrina, no norte do Paraná. Os criminosos usavam o nome do Hospital em contratos fraudulentos e prejuízo chega a R$ 4 milhões.

A PCPR (Polícia Civil do Paraná) deu voz de prisão aos criminosos, no exato momento que negociavam, através de contrato fraudulento, a compra de dois caminhões no valor de $R 900 mil, de uma empresa de São Paulo.

A Polícia vinha investigando os envolvidos, que estariam fraudando contratos de aluguel e compra e venda de bens em nome do hospital.

Usando o argumento da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), os bandidos tentaram várias vezes comprar ou alugar bens em nome do hospital, dentre eles caminhões para descarte de material hospitalar infeccioso, caminhões para transporte de materiais e cestas básicas.

Segundo a polícia os quatro falsificavam a documentação contábil do hospital  e ainda faziam “lives” para tratar das negociações. Eles indicavam como local de entrega um galpão da Prefeitura de Londrina.

Com informações: Paraná Portal.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.