Trânsito / Marechal Cândido Rondon 05 de novembro de 2021 15h09

Coetran define pela construção de rotatória e pelo fechamento de retornos

Cruzamento das ruas Mem de Sá e Santa Catarina terá futura interseção, transformando a Mem de Sá em preferencial...

Foto: Assessoria
Foto: Assessoria

Representantes de entidades que formam o Conselho Executivo de Trânsito de Marechal Cândido Rondon (Coetran) estiveram reunidos na tarde desta quinta-feira (04), no auditório da prefeitura, para deliberar a respeito de serviços que futuramente serão incorporados no trânsito da sede municipal, tendo como objetivo gerar melhoria e reverter em segurança aos cidadãos.

O secretário municipal de Mobilidade Urbana, coronel Welyngton Alves da Rosa, destaca que a preocupação é adotar normas que diminuam os acidentes e preservem vidas. “Deliberados sobre a futura construção de uma rotatória no cruzamento da rua Cabral com a avenida Rio Grande do Sul, principal rua de acesso ao Hospital Rondon e às clínicas. Queremos transformar aquele cruzamento em um local mais seguro e melhor sinalizado”, expõe.

“Outra mudança se trata de futura interseção no cruzamento das ruas Mem de Sá com Santa Catarina. O objetivo é alterar a preferencial para a Mem de Sá, o que vai quebrar a velocidade dos veículos que vêm da Santa Catarina, transformando em mão única aquele sentido da Santa Catarina entre as ruas Mem de Sá e Dom João VI, facilitando o fluxo de veículos em direção à avenida Maripá”, prossegue Welyngton.

Segundo ele, as determinações do Coetran têm como intenção melhorar o trânsito e diminuir acidentes.

“Vale salientar a grande preocupação do prefeito Marcio Rauber e do vice Ilario Hofstaetter (Ila) com as melhorias de trânsito, investindo maciçamente mês a mês. Além do fechamento de retornos, da construção de rotatórias e melhorias na sinalização, nós já colocamos mais de cinco mil placas, adotamos vários trabalhos para realmente levar à comunidade segurança no trânsito e preservar vidas”, frisa.

O secretário menciona que os trabalhos no cruzamento da rua Cabral com a avenida Rio Grande do Sul já foram iniciados, através de um pedido à Secretaria de Agricultura e Política Ambiental para retirar algumas árvores e alargar o canteiro central para que seja planejada a implantação da rotatória, além de uma nova situação com tachinhas e tachões. “Acredito que de três a quatro meses estejam prontas as interseções nas ruas Mem de Sá com Santa Catarina, e no cruzamento da rua Cabral com a avenida Rio Grande do Sul”, diz.

“Destacamos que com a rotatória na rua Cabral, as ruas 12 de Outubro, Colombo e 22 de Abril serão interditadas para o cruzamento. Observamos que com as obras na parte inferior da avenida Rio Grande do Sul, na região da rua XV de Novembro, os acidentes migraram para a parte superior da avenida Rio Grande do Sul, e agora o Coetran deliberou para alterações. A resposta será dada na questão preventiva dos acidentes”, evidencia Welyngton.

Ampliar segurança

O comandante do 3º Subgrupamento do Corpo de Bombeiros de Marechal Rondon, capitão Tiago Zajac, enaltece que as alterações aprovadas têm fundamentação estatística, através dos números de atendimentos fornecidos pelos Bombeiros e pela Polícia Militar. “Todos esses números são direcionados à Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, que compila as informações e sugere alterações para o Coetran. Desta forma o processo é feito de maneira direcionada e pontual, garantindo aumento da segurança no trânsito da cidade”, coloca.

Zajac comenta que 2020 foi um ano atípico em função da pandemia de Covid-19, que restringiu a circulação das pessoas, por consequência de automóveis e motocicletas, impulsionando a redução dos acidentes de trânsito.

“Para sermos justos, temos a comparação entre os anos de 2019 e 2021, relativa aos meses de janeiro e outubro. No ano de 2019 foram 426 acidentes no município, em 2020 aconteceram 359, diante de 390 no ano de 2021, sempre no mesmo período. Portanto, houve redução média de 15% nos acidentes no período analisado de 2019 e 2021”, revela.

Segundo o comandante da 2ª Companhia da Polícia Militar (PM), capitão Daniel Zambon, o entendimento é de que as alterações propostas continuem a surtir efeito positivo, revertendo em benefícios a todos que de alguma usam o trânsito. “Estimamos que as medidas vão atuar pontualmente nos locais onde há maior número de acidentes, contribuindo para prevenir essas situações. Os cruzamentos elencados com a construção de rotatória e fechamento de retornos representam muitos acidentes, alguns até trazendo prejuízo à saúde das pessoas”, aponta.

Acimacar e ARC

A presidente da Associação Comercial e Empresarial (Acimacar), Carla Rieger, adianta que a o trânsito na avenida Rio Grande do Sul ficou mais seguro e prático com as medidas adotadas nos últimos anos. “O Coetran toma decisões relevantes, que têm sido muito positivas”, diz.

“Os empresários visualizam as mudanças como muito importantes, que geram melhorias na sinalização, no estacionamento, na faixa de pedestres, que é utilizada por crianças, idosos e cadeirantes. Nesse último caso, traz segurança, agilidade e respeito ao direito que todos os cidadãos têm de ir e vir”, enfatiza Carla.

O representante da Associação Rondonense de Ciclismo (ARC), Cristiano Viteck, expõe que a entidade participou de sua primeira reunião no Coetran. “Pretendemos contribuir com sugestões de parcela significativa da população que faz uso de bicicleta em Marechal Rondon”, frisa, lembrando que dados apontam que há cerca de 50 mil bicicletas em todo o município.

“Entendemos que foram deliberações importantes, com fechamentos de retornos na avenida, mudança de trecho na rua Santa Catarina, e vemos isso de forma muito positiva. Recentemente o fechamento de cruzamentos em parte da avenida Rio Grande do Sul até a Írio Jacob Welp foi muito positivo. E agora esse novo sentido na região da Vila Gaúcha vai ampliar a segurança de todos, entre eles dos ciclistas, que têm papel fundamental no trânsito. Além disso, entendemos que a recuperação das ciclovias certamente trará mais segurança a todos”, conclui Viteck.

Com informações: Assessoria .

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.