Policial / Paraná 15 de novembro de 2019 17h50

Bandidos se passam por policiais civis e cometem assalto em Londrina

PM agiu rápido e deteve os quatro marginais ainda nas proximidades do local do crime...

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Quatro homens que se passaram por policiais civis para realizar um assalto em um camelódromo de Londrina, no Norte do Paraná, foram presos pela Polícia Militar no início da noite de quinta-feira (14), ainda nas proximidades do local do crime. Durante o roubo, eles mantiveram pelo menos um lojista refém.

De acordo com a PM, o assalto aconteceu por volta de 18h40. Os suspeitos chegaram ao camelódromo vestindo camisetas da Polícia Civil e com falsos mandados de busca e apreensão. Por estarem disfarçados, os marginais passaram despercebidos por pessoas que estavam no local.

Após o assalto, as vítimas acionaram a Polícia Militar, que fechou um cerco nas proximidades e deteve o bando. "Na Rua Cuiabá, uma viatura do Pelotão de Choque que estava em operação já fez a interceptação do veículo e prendeu os quatro indivíduos, apreenderam as armas e realizaram o encaminhamento para a delegacia. O veículo que utilizaram também tinha alerta de furto", comentou o major Nelson Villa Júnior, comandante do 5º BPM (Batalhão de Polícia Militar).

Uma mulher, amiga de uma das vítimas do assalto, entrou em contato com um agente da PRF (Polícia Rodoviária Federal) e informou sobre o assalto. "Eu pedi para ela me repassar as mensagens e comecei a fazer ligações aos policiais que conheço, além de ir repassando as mensagens nos grupos policiais, contou o policial.

Os detidos, as armas e o veículo foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil.

Com informações: Bonde.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.