Cotidiano / Quatro Pontes 16 de outubro de 2018 11h42

“Vou dar visibilidade às causas sociais”, diz Miss Quatro Pontes

A estudante de Arquitetura e Urbanismo, Stéfani Francener Lippert, revela que seu reinado será dedicado às causas sociais...

Há exato um mês de ter conquistado o título de Miss Quatro Pontes 2018, a estudante de Arquitetura e Urbanismo, Stéfani Francener Lippert, revela que seu reinado será dedicado às causas sociais.

“Já realizava projetos sociais em outras cidades. Sempre gostei e estive engajada nisso, porém agora pretendo praticar fortemente no meu município. Estou pronta para servir a minha comunidade e vou dar visibilidade para causas sociais. Quero que as pessoas vejam que não sou só ‘um rostinho bonito’, mas que de fato posso promover ações beneficentes. A intenção é implantar um novo conceito de Miss, algo que os quatropontenses não estão acostumados a vivenciar. Trata-se de uma personalidade mais ativa na sociedade”, afirma.

Além de destacar a beleza feminina e escolher quem representará Quatro Pontes em eventos do município e desta natureza, segundo a secretária de Educação, Cultura e Esportes, Araceli Basso Tauchert, o concurso visa discutir e motivar bandeiras sociais, bem como motivar o envolvimento da comunidade. “A proposta é que a Miss participe de trabalhos ligados a entidades, clubes de serviços e outros. A responsabilidade, por sua vez, é dela na elaboração e execução dos projetos sociais e viabilização de eventos ligados ao meio. Isso vai além do intercâmbio sociocultural, que é outro objetivo do concurso. Acreditamos que a defesa por causas sociais é nobre e deve ser praticada em nosso município”, comenta.

1ª CAUSA

A primeira iniciativa da Miss Quatro Pontes foi alusiva ao Dia das Crianças, comemorado na última sexta-feira (12). Stéfani participou de atividades integradas à programação especial desenvolvida pela direção da Escola Municipal Dona Leopoldina e do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Cantinho Feliz, em parceria com a Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, com todos os alunos.

No sábado (13), a Miss auxiliou nas atividades promovidas pela Pastoral da Criança e para o evento arrecadou picolés, por meio de parceria firmada com a D’itália Sorvetes, de Toledo. “Conhecia pouco deste trabalho, mas achei incrível toda a organização da entidade e auxílio para com as crianças. Adorei participar deste momento, tornando o dia deles ainda mais especial”, conta, enfatizando: “O auxílio continuará sempre no segundo sábado de cada mês, quando ocorrem os encontros”. 

FUTURO

Sobre os projetos futuros, Stéfani já tem em mente alguns. Ela pretende desenvolver ações relacionadas aos cães abandonados, como levantando fundos para a compra de ração, sendo que na semana passada realizou um minicurso para produzir casas para os cachorros. De outro lado, visa desenvolver uma campanha em apoio à doação de sangue e medula óssea. “Estou verificando meios para viabilizar isso”, diz. 

A Miss ainda analisa a possibilidade de realizar algo relacionado à sua área de estudo, a fim de deixar a cidade mais limpa e bonita. “São ideias que podem ou não dar certo, mas vou me empenhar para que realmente possa se concretizar”, expõe. Ela também destaca: “Muitas pessoas pensam que Miss só se resume em ser bela, elegante, com classe e no dever de representar a beleza feminina do seu município. Claro, é também, mas acredito que é muito mais. Uma Miss precisa ser exemplo e acima de tudo comprometida com aquilo que vai além de seus próprios desejos. Precisa contagiar com bons princípios o maior número de pessoas ao longo do seu reinado. É trazer os holofotes para suas ações e não para si. Necessita expressar gratidão e demonstrar verdadeiro amor ao seu semelhante. É sobre ser luz, mas acima de tudo saber iluminar caminhos”.

Com informações: Assessoria.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.