Esportes / Marechal Cândido Rondon 03 de abril de 2018 18h29

Técnico rondonense integrará novamente a comissão técnica da seleção brasileira sub-18 de voleibol

Miro ficará no Rio de Janeiro por um período de quase três meses, onde a seleção sub-18 irá se preparar para o sul-americano...

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O técnico de voleibol Claudemiro Vieira dos Santos (Miro) é um dos grandes nomes do esporte rondonense. Por diversas vezes, Miro integrou a comissão técnica da seleção brasileira feminina de voleibol sub-18, função esta, para a qual voltou a ser convocado. Ele se apresenta no próximo dia 16, no Centro de Treinamento de Voleibol da CBV (Confederação Brasileira de Voleibol).

Miro ficará no Rio de Janeiro por um período de quase três meses, onde a seleção sub-18 irá se preparar para o sul-americano, que será realizado entre os dias 06 e 13 de julho, na cidade de Valledupar, na Colômbia.

De acordo com o rondonense, o primeiro lugar no sul-americano credencia uma vaga no mundial (sem local e data definida) de 2019. O segundo e o terceiro lugares da competição credencia vaga na Copa Pan-Americana, outra forma de garantir vaga ao mundial.

O técnico falou sobre a importância de mais esta conquista. “Representar o meu país em uma competição é o ponto máximo para um atleta e comissão. A responsabilidade é muito grande. Já para o nosso projeto Feras do Vôlei, demonstra que estamos no caminho certo, revelando talentos e também profissionais qualificados para representar o Brasil”, salienta.

O projeto Feras do Vôlei funciona no Colégio Evangélico Martin Luther e conta com a parceria da prefeitura rondonense, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer. Miro é o coordenador do projeto.

Com informações: Assessoria.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.