Cotidiano / Guaíra 06 de dezembro de 2017 14h10

Protesto contra demarcações de terras indígenas ocorre em Guaíra

A mobilização com passeata ocorre na frente do Banco do Brasil e está sendo realizada de forma pacífica, pelas principais ruas de Guaíra...

Uma grande mobilização de agricultores e da população de Guaíra e da região Oeste do Paraná, inclusive de Marechal Cândido Rondon, ocorre agora a tarde, nesta quarta-feira (06), no centro de Guaíra.

A mobilização com passeata ocorre na frente do Banco do Brasil e está sendo realizada de forma pacífica, pelas principais ruas de Guaíra e conta com apoio de um grande numero de agricultores e da população, que está contra as demarcações das terras em Guaíra, através da Funai.

Se fazem presentes centenas de pessoas e diversas autoridades, entre elas, o Vice-Prefeito de Mercedes Edson Schug, tambem se faz presente autoridades de Marechal Cândido Rondon, Pato Bragado, Terra Roxa, Guaíra.

Caminhão enviado pela Funai eleva tensão em Guaira

A chegada de um caminhão carregado de madeira na aldeia Tehoha Y hovy, em Guaíra, instalou um clima de tensão na cidade. O caminhão chegou na segunda-feira (4) com as madeiras enviadas pela a Funai a aldeia e causou uma reação imediata de ruralistas ligados à ONGDIP (Organização Nacional de Garantia ao Direito de Propriedade) que promete se mobilizar nesta quarta-feira (6) em um protesto.

Eles suspeitam de que a madeira fosse usada para demarcação das terras indígenas.

A aldeia foi cercada pelos integrantes da ONG que impediram a entrada do caminhão na aldeia. No local, vivem 21 famílias indígenas.

Segundo o cacique, Ilson Soares, os ruralistas permaneceram no local até a noite como forma de pressionar os índios. Ele explica que a madeira não é destinada a fazer demarcação de terras, e sim, construção de moradias.

“Essa madeiras são do kit moradia. A Justiça Federal mandou a Funai levar essas madeiras. São tábuas de pino que não tem valor nenhum”, explica o cacique.

Com informações: Marechal Online.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.