Policial / Paraná 11 de abril de 2018 15h45

Paraná tem cinco nomes na Lista Suja do Trabalho Escravo

Lista é de empregadores que tenham submetido funcionários à condições análogas a escravidão...

Foto: EBC
Foto: EBC

Cinco nomes de pessoas físicas ou jurídicas do Paraná estão na Lista Suja do Trabalho Escravo, que foi atualizada na terça-feira (10). 

No Paraná, os nomes listadas são: José Bueno Stresser e Cia Ltda, na zona rural de Rio Branco do Sul; Juliano Aparecido de Carvalho, na zona rural de Diamante do Oeste; Nelson Luís Slaviero, no distrito Guaporé, em Guaraniaçu; Niciel Rosa Gomes, também em Diamante do Oeste; e Sabarálcool, em Perobal. 

Com isso, o Paraná integra cinco nomes em uma lista com 166 empresas do país. 

A lista deve ser atualizada semestralmente, e a última atualização acrescentou 34 novos nomes. Segundo o CONAETE (Erradicação do Trabalho Escravo), essa atualização foi responsável por 269 trabalhadores em situação análoga a de escravo.

Entre as empresas, estão a ALL América Latina Logística (atual Rumo Malha Paulista), a Cone Brasil, que comercializou alimentos no Rock In Rio e duas construtoras responsáveis por obras no Programa Minha Casa Minha Vida. 

Confira a lista completa de empresas aqui. 

Com informações: EBC.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.