Tragédia / Paraná 12 de dezembro de 2017 14h59

Mulher foi estuprada e teve o braço quebrado em Moreira Sales

Caso aconteceu no dia 1º de dezembro, mas a mulher denunciou o fato somente na última sexta-feira, por temer represálias...

Uma mulher de 42 anos, moradora da zona rural de Moreira Sales, denunciou que foi estuprada e teve o braço esquerdo fraturado durante a violência sexual a que foi submetida. O caso aconteceu no dia 1º de dezembro, mas a mulher denunciou o fato somente na última sexta-feira (08), por temer represálias.

A mulher contou para a equipe da PM, juntamente, com seu marido, que no dia 1º de dezembro estava em sua casa, quando chegou uma pessoa conhecida da família, que seria morador do distrito de Bragápolis, em Janiópolis, que estava armado com um porrete.

O homem teria obrigado a mulher a tirar a roupa e em seguida manteve relações sexuais à força com ela, indo embora em seguia, fazendo ameaças, caso ela o denunciasse.

Ao acionar a equipe da Polícia Militar, a mulher explicou que demorou alguns dias para denunciar a violência a que foi submetida por estar com medo. Ela disse também que não estava suportando as dores no braço, que segundo o médico estava fraturado e precisava de atendimento especializado.

O caso está sendo investigado na Delegacia de Polícia de Goioerê.

Com informações: GoioNews.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.