Policial / Paraná 29 de novembro de 2017 16h11

MPPR pede anulação do julgamento que absolveu 13 policiais

No documento, o MPPR requer que os policiais sejam submetidos a novo julgamento perante o Tribunal do Júri, tendo em vista que a decisão apresentada pelos jurados foi manifestamente contrária...

(foto: Franklin de Freitas)
(foto: Franklin de Freitas)

O Ministério Público do Paraná (MPPR), por meio da Promotoria de Justiça da 1ª Vara do Tribunal do Júri de Curitiba, apresentou ao Tribunal de Justiça do Paraná as razões de apelação em face da sentença que absolveu, no dia 9 de outubro, 13 policiais militares acusados de homicídio triplamente qualificado e fraude processual pela morte, em 2009, de cinco suspeitos que estavam com um veículo furtado.

No documento, o MPPR requer que os policiais sejam submetidos a novo julgamento perante o Tribunal do Júri, tendo em vista que a decisão apresentada pelos jurados foi manifestamente contrária à prova dos autos e que a liberdade e a imparcialidade dos jurados ficaram comprometidas diante da presença em massa de policiais militares fardados no julgamento.

As investigações do caso foram promovidas pelo MPPR por meio do Grupo Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Curitiba.

Com informações: Bem Paraná.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.