Policial / Foz do Iguaçu 12 de março de 2019 16h11

Mercadorias importadas são apreendidas no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu

Os servidores abordaram o passageiro e abriram as malas para fiscalizar o conteúdo...

Ação conjunta entre a Alfândega da Receita Federal do Brasil em Foz do Iguaçu e Polícia Federal resultou na apreensão de mercadorias no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu.

A ação ocorreu nesta segunda-feira (11), no escâner de fiscalização da Receita Federal. Durante verificação de rotina, o equipamento acusou por imagens grande quantidade de mercadorias em duas bagagens. Os servidores abordaram o passageiro e abriram as malas para fiscalizar o conteúdo. Dentro das bagagens havia várias mercadorias sem comprovação de importação regular.

O viajante é de Belo Horizonte/MG, porém fazia o trecho de Foz do Iguaçu/PR a Curitiba/PR, com destino final em Guarulhos/SP. Ele confessou que veio até Foz do Iguaçu/PR apenas para adquirir as mercadorias.

Os bens foram apreendidos e encaminhados à Alfândega da Receita Federal em Foz do Iguaçu/PR. Estima-se que os produtos somem aproximadamente R$ 20 mil. O passageiro foi liberado.

A Receita Federal disponibiliza um telefone de contato para denúncias, de forma anônima, por meio do número (45) 9 9152-2036.

Essa iniciativa está inserida no âmbito do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF), instituído pelo Decreto nº 8.903/2016, tem como diretrizes a atuação integrada e coordenada dos órgãos de segurança e de fiscalizações atuantes nas fronteiras, e como foco, o fortalecimento da prevenção, do controle, da fiscalização e da repressão aos delitos transfronteiriços, como contrabando, descaminho, tráfico de drogas, armas e medicamentos, entre outros. 

Com informações: Assessoria.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.