Massacre em Santa Fé já é o quarto com mais mortes em escolas dos EUA em 20 anos - Marechal Online

Tragédia / Mundo 18 de maio de 2018 16h54

Massacre em Santa Fé já é o quarto com mais mortes em escolas dos EUA em 20 anos

A direção do distrito escolar de Santa Fé disse que após a escola ser esvaziada, foram encontrados possíveis explosivos...

Caso as oito mortes na escola de Santa Fé, no Texas, sejam confirmadas, esse será o quarto pior caso de tiroteio em massa em uma escola americana desde pelo menos 1999.

As mortes na Santa Fe High School, colégio com cerca de 1.400 alunos e que fica no município de mesmo nome, só ficariam atrás dos massacres nas escolas Sandy Hook, em Newton, (26 assassinados em 2012), Marjory  Stoneman Douglas, em Parkland (17 em fevereiro deste ano), e Columbine, em Littleton (13 em 1999).

O levantamento foi realizado com base em dados levantados regularmente pelo jornal The Washington Post e que tem números desde 1999 -são 219 casos desde 1999, sem contar os números de Santa Fé.

E 2018, mesmo só com cinco meses, já iguala o número de tiroteios em escolas americanas com 2014 (o ano todo): 16. A seguir nos recordes está 2006, com 15 casos.

É preciso ressaltar, no entanto, que a grande maioria dos casos (161) não houve mortes -os dados não levam em conta o atirador. Em 48 ocorrências houve uma morte.

No caso de Santa Fé, cidade de 13 mil habitantes que fica próxima de Houston, o número de mortos ainda pode crescer. O xerife local, Ed Gonzales, disse que podem chegar a dez. A maior parte delas é de estudantes, segundo ele.

Ao menos 12 pessoas ficaram feridas e foram levadas ao hospital, sendo dois estudantes e um segurança da escola -não há informações sobre o estado de saúde delas nem detalhes sobre as outras vítimas.

A direção do distrito escolar de Santa Fé disse que após a escola ser esvaziada, foram encontrados possíveis explosivos na escola e em suas proximidades. Policiais estariam no local para desarmar os mecanismos. 

Por isso, as autoridades pediram que os moradores da cidade informem caso vejam qualquer pacote suspeito.

O diretor da escola disse a jornalistas que o atirador foi preso, mas sua identidade não foi revelada. O xerife Gonzales afirmou que um adolescente foi detido suspeito de ter ser o atirador e que ele provavelmente é aluno do local.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.