Cotidiano / Paraná 13 de outubro de 2017 11h10

Está cada vez mais difícil encontrar professores no Paraná

Em 10 anos, inscrições para cursos de licenciatura caíram 21,4% nas universidades...

Procura-se professores. Tal frase serve para ilustrar a atual situação do magistério. É que diante de um cenário em que as licenciaturas perdem cada vez mais em atratividade para o bacharelado, encontrar um professor com formação específica tem se tornado uma tarefa cada vez mais difícil. Para se ter noção do problema, no Paraná a Secretaria Estadual de Educação, embora afirme não ter falta de professores em sala de aula, por outro lado admite as dificuldades para se encontrar profissionais com formação específica. As disciplinas com maior dificuldade para se encontrar professores são física, inglês, sociologia, filosofia e química, além de intérpretes de libras.

Segundo a professora Walkiria Olegario Mazeto, secretária de Educação da APP-Sindicato, o cenário reflete a baixa atratividade da carreira no magistério, um problema nacional que tem levado um número cada vez maior de jovens a abandonar (ou sequer cogitar) se tornar professor. “Nacionalmente há redução na procura pelos cursos de licenciatura. Temos alguns locais fechando cursos, vestibulares com concorrência a menos de 1 por 1, sobrando vagas. As gerações mais jovens olham hoje para o mercado de trabalho e vão buscar outras opções com remuneração melhor”, aponta Walkiria.

Os dados dos últimos vestibulares da Universidade Federal do Paraná (UFPR), inclusive, confirmam as afirmações da professora. É que em menos de uma década (entre 2008 e 2016) a concorrência nos cursos apenas licenciatura da UFPR registrou queda de 21,4%. Em 2008, eram 12 cursos, com 4.463 candidatos disputando 997 vagas. Já em 2016, último ano com dados disponíveis, haviam sido abertas 341 novas vagas com a criação de mais 12 cursos nas cidades de Jandaia, Matinhos, Palotina e Pontal do Paraná. A concorrência, contudo, havia caído de 4,48 candidatos por vaga para 3,69, sendo que em cursos como Ciências e Computação chega-se a ter um candidato para cada duas vagas em disputa.

Bacharéis
Na esteira da redução na procura por cursos de licenciatura está também o maior interesse pelo bacharelado. Artes Visuais, Educação Física, Matemática, Música e Química são bons exemplos, uma vez que a UFPR os oferece tanto para quem quer fazer apenas a licenciatura como para quem quer o título de bacharel.

Dia do Professor
No próximo domingo, dia 15, é comemorado o Dia do Professor.

Em queda
Ao longo dos últimos anos, tem se reduzido o número de matrículas e de professores na rede estadual de ensino. Em 2013, eram 67.119 profissionais das mais diversas áreas. Hoje, são 65.249, queda de 2,87%. Já quanto ao número de matrículas, a redução foi de 0,07% no período analisado, passando de 1.239.546 para 1.160.877. “Temos uma redução no número de matrículas nacionalmente. As famílias tem se organizado e estão tendo menos filhos”, explica a professora Walkiria Olegario Mazeto.

Com informações: Bem Paraná.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.