Cotidiano / Brasil 09 de julho de 2018 15h30

Crimes de ódio resultaram na morte de 445 pessoas em 2017

Além das mortes violentas, no ano passado o Disque Denúncia 100 recebeu 1.720 registros sobre vítimas da homofobia...

Marcha da Diversidade percorreu as ruas da região central de Curitiba (Foto: Henri Milleo)
Marcha da Diversidade percorreu as ruas da região central de Curitiba (Foto: Henri Milleo)

Ontem foi dia da 3ª Marcha Pela Diversidade de Curitiba, evento promovido pelos movimentos LGBTI (lésbicas, gays, bissexuais, transgêneros, travestis e intersexuais) da Capital. Milhares de pessoas participaram da marcha, desde a Praça Santos Andrade até a Boca Maldita, percorrendos ruas da região Central da Capital. A marcha é uma forma dos movimetnos alertarem a população sobre a violência contra estes grupos, além de pedir tolerância de gênero.

Só no ano passado, 445 pessoas LGBTI foram assassinadas no Brasil, segundo números do Grupo Gay da Bahia. O número é 29% maior que o de 2016, quando 343 pessoas LGBTI foram mortas violentamente no Brasil. Além disso, o número que recebe denúncias sobre violência, o Disque 100, registrou 1.720 casos de ataques a homossexuais, bissexuais, trangêneros e outros.

Mas, segundo o promotor de Justiça André Luiz de Araújo, que é responsável pelo Núcleo de Promoção dos Direitos de Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Proteção dos Direitos Humanos do Ministério Público do Paraná, os números podem ser maiores, já que há a subnotificação.

Marcha

A Marcha da Diversidade foi organizado pela Aliança Nacional LGBTI, Grupo Dignidade, Coletivo Cássia e TransGrupo Marcela Prado e geralmente acontece no final de junho, mas devido ao mau tempo foi transferido para esse fim de semana. A marcha foi criada em 2016 com o intuito de conscientizar a população sobre a necessidade de combate à LGBTIfobia. Além dos shows ao longo da marcha, houve apresentações performáticas, DJs e atos de conscientização na Boca Maldita.

Com informações: Bem Paraná.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.