Política / Marechal Cândido Rondon 12 de abril de 2018 11h10

Claudinho propõe projeto que permite a presença de doulas em trabalhos de parto no município

A doula é uma assistente de parto, sem necessariamente formação médica, que acompanha a gestante durante o período da gestação até os primeiros meses após o parto, com foco no bem estar da mulher...

O vereador Claudio Kohler (Claudinho) apresentou, na sessão ordinária de segunda-feira (11), projeto de lei que dispõe sobre a presença e o exercício profissional da atividade de doulas em estabelecimentos hospitalares públicos e/ou conveniados com o Sistema Único de Saúde (SUS), no município de Marechal Cândido Rondon.

A doula é uma assistente de parto, sem necessariamente formação médica, que acompanha a gestante durante o período da gestação até os primeiros meses após o parto, com foco no bem estar da mulher. Ela orienta e assiste a nova mãe e nos cuidados com o bebê. Seu papel é oferecer conforto, encorajamento, tranquilidade, suporte emocional, físico e informativo durante o período de intensas transformações.

Segundo Claudinho, permitir a presença de doulas dentro dos hospitais torna o atendimento mais humanizado. "Se a mãe teve a presença dessa profissional durante a gestação, tê-la ao lado mais uma vez durante o parto torna o momento mais confortável e tranquilo, facilitando a chegada do bebê", afirma.

Outros estados brasileiros já possuem uma lei em vigor que permite a presença das profissionais, assim como em quatro cidades paranaenses: Curitiba, Foz do Iguaçu, Ponta Grossa e União da Vitória.

"Com seus conhecimentos, as doulas preparam as mães para o momento e tornam as mulheres mais confiantes. Tudo que diz respeito ao cuidado com a família é importante", frisa.

Segundo o projeto, a lei obrigaria os estabelecimentos a permitirem a presença de doulas durante todo o período de trabalho de parto, parto e pós-parto imediato, bem como consultas e exames de pré-natal, sempre que solicitadas por escrito pela gestante ou parturiente.

Caso o projeto seja aprovado, as doulas deverão obrigatoriamente serem cadastradas no Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES) e nos setores administrativos dos estabelecimentos hospitalares municipais para a atuação.

Com informações: Assessoria.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.