Política / Marechal Cândido Rondon 19 de dezembro de 2017 11h15

Arion questiona ata de audiência pública sobre atendimento da UPA em Marechal Rondon

A audiência pública ocorreu no último dia 08 de novembro...

O vereador Arion Nasihgil requer que a administração municipal retifique a ata da audiência pública promovida pela Secretaria de Saúde, na qual foi discutida a abertura da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24 Horas de Marechal Cândido Rondon. Segundo o vereador, há divergência entre o que foi aprovado pela população e o que consta na ata. A audiência pública ocorreu no último dia 08 de novembro.

Conforme Arion, enquanto que na audiência os rondonenses aprovaram a abertura de uma UPA Tipo 1 Municipal, na ata consta que foi aprovada a abertura de UPA Tipo 1 Municipal ou Pronto Atendimento Municipal. “Através de uma simples leitura cronológica da ata, se conclui que em momento algum daquele ato público se ventilou a abertura de um Pronto Atendimento Municipal, o qual difere bastante de uma UPA Tipo 1 Municipal”, alerta o vereador.

“Considerando que existe grande diferença entre as duas formas de gestão da unidade, bem como para trazer maior veracidade ao referido documento e para que dele conste apenas e tão somente a estrita realidade dos fatos, requer-se a retificação da ata, eis que a vontade da população manifestada naquele momento foi única e exclusivamente para a abertura de uma UPA Tipo 1 Municipal”, defende Arion.

Em outro requerimento, o vereador também solicita informações do Executivo Municipal sobre a atração do “Trenzinho da Alegria”, que integra a programação do Natal Encantado de Marechal Cândido Rondon. Ele questiona, entre outros pontos, como foi feita a contratação e se ela possui custos ao município; qual o papel da Acimacar na contratação; quem fiscaliza o cumprimento do contrato; qual o valor para a utilização da atração pela população e qual a destinação desta arrecadação; e se a população carente possui isenção no ingresso para a atração.

Já por meio de indicação, Arion solicita que a Prefeitura melhore a via de acesso à Rodoviária Municipal, em especial o trecho que liga a Rua Independência até a porta principal do local. O problema é a falta de escoamento da água da chuva, especialmente no ponto de embarque e desembarque de pessoas junto ao ponto de táxi. “A reclamação já foi apresentada por várias ocasiões ao Poder Público Municipal. Todavia, até o presente momento nada foi feito”, lamenta.

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.