Religião / Reflexão 03 de abril de 2018 07h49

A Paciência Desenvolve a Perfeição

Tenha, porém, a paciência a sua obra perfeita, para que sejais perfeitos e completos, sem faltar em coisa alguma. Tiago 1:4.

no caminho para a perfeição do caráter. Em toda parte há condescendência e dissipação, e o resultado é degeneração e corrupção. Os habitantes de nossa Terra estão decaindo em força moral, mental e física, por causa dos hábitos intemperantes da sociedade. Apetite, paixão, e amor aos prazeres estão levando multidões para os maiores excessos em extravagâncias. … O povo de Deus deve tomar direção oposta. Deve bater-se contra estas práticas pecaminosas, negar o apetite, e manter os desejos naturais da carne em sujeição. … Devemos buscar as Escrituras, e trazer nossos hábitos em harmonia com as instruções da Bíblia. …

“E à temperança, a paciência” (2Pedro 1:6). A necessidade de tornar-nos temperantes é manifestada quando tentamos dar este passo. É quase impossível a um intemperante ser paciente. 

Alguns de nós somos de temperamento nervoso, e somos naturalmente quase como um relâmpago para pensar e agir; mas não permitamos a alguém pensar que não podemos aprender a paciência. A paciência é uma planta que fará rápido crescimento se cuidadosamente cultivada. Tornando-nos inteiramente familiarizados conosco mesmos, e então combinando com a graça de Deus uma firme determinação de nossa parte, podemos tornar-nos vencedores, e tornar-nos perfeitos em todas as coisas, de nada necessitados. 

A paciência flui um bálsamo de paz e amor à vida do lar. … A paciência produzirá unidade na igreja, na família, e na sociedade. Esta graça deve ser estampada em nossa vida. 

Com informações: Meditação .

COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários enviados através do formulário são de inteira responsabilidade do autor. O site MarechalOnline.net se reserva no direito de coletar e armazenar informações do autor, tais como: email, macaddress e ip, para possíveis ações de responsabilidade penal - caso necessário. O site MarechalOnline.net se reserva ainda no direito de não publicar comentários com conteúdo inapropriado para o espaço. Os comentários não são editados, e quando publicados vão ao ar da forma original como foram redigidos pelo autor. Ao utilizar este recurso o autor automaticamente concorda com os termos de uso especificados acima.